Tóquio 2020: a maratona, a prova estrela dos Jogos Olímpicos

maratona jogos olimpicos

Neste ciclo de posts que estamos a dedicar a Tóquio 2020 na Décimas chegou o momento de nos centrarmos na prova estrela dos Jogos Olímpicos: a maratona. O mais curioso do seu reinado é que não se trata de um desporte em si, e sim de uma competição dentro do atletismo. Procuramos as suas origens para corroborar porque é que esta corrida desperta paixões. Prepara-te porque te esperam os 42’195 quilómetros mais emblemáticos da história do desporto. Um verdadeiro espetáculo!

Os Jogos de Atenas de 1896, a origem de uma lenda

Atenas albergou os primeiros Jogos da Idade Moderna nos quais se correu a primeira maratona da história do olimpismo. No entanto, as mulheres tiveram que esperar até Los Angeles 1984 para participar nos Jogos Olímpicos.

A verdadeira origem localiza-se em Atenas (século V a. C.) em plena guerra contra o Império Persa, sendo Maratona o último bastião desse enfrentamento. Se se perdia, o exército persa entraria em Atenas e tomá-la-ia. No meio da confusão, os gregos, convencidos de ter perdido, dispunham-se a queimar a cidade e a assassinar mulheres e crianças. Mas nada mais distante da realidade: Atenas tinha ganho a batalha de maratona.

Para evitar a catástrofe foi enviado Filípides, um jovem soldado, de Maratona a Atenas. A sua tarefa, depois de correr os 40 quilómetros que separam ambas as cidades, era comunicar a boa nova. Conta a lenda que, após cumprir a sua missão com tanto esforço, o mensageiro perdeu a vida. O seu grito de alarme deu início à maratona, a prova rainha dos Jogos Olímpicos.

Tóquio 2020 e a sua maratona ao estilo japonês

Sapporo é a cidade nipónica que albergará esta aclamada competição dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. Concretamente será o Odori Park, um parque que oferece um ambiente muito favorável aos maratonistas olímpicos.

Além de uma climatologia propicia, as corridas de longa distância necessitam de um equipamento ultra cómodo e muito leve como os calções ASICS e a t-shirt sem mangas Tenth. Sem esquecer as sapatilhas adidas Ultraboost para ir cumprindo objetivos.

Calções de running ASICS performance para homemCamiseta de running Tenth SM para hombre

Com um bom plano de treino, a roupa adequada e um ambiente descontraído resta apenas dar o nosso melhor para bater os recordes atuais:

  • Samuel Wanjiru na categoria masculina com 2:06:32 desde 2008
  • Tiki Gelana mulher com una marca de 2:23.07 desde 2012

Sapatilhas de running adidas Ultraboost 21 de homem

O domínio africano continua, mas sem duelo em Tóquio 2020

Os apaixonados da maratona não poderão ver o duelo mais esperado dos Jogos: o do etíope Kenenisa Bekele e o queniano Eliud Kipchoge. Bekele, ganhador de três medalhas olímpicas, descartou a ideia de correr a maratona de Tóquio. O duelo dos dois maratonistas mais rápidos do planeta terá que esperar.

Não é casualidade que os atletas africanos ostentem as melhores marcas. Um feito que se explica pela sua experiência a correr debaixo do calor do verão.

Nos dias 7 e 8 de agosto, em que correrão mulheres e homens respetivamente, temos, todos os amantes do deporto, um encontro com a prova estrela dos Jogos Olímpicos. Como marca a tradição, o final da maratona masculina coincidirá com o ato de clausura das Olimpíadas.

Enquanto esperamos pelos Jogos Olímpicos de Paris 2024 deixamos-te alguns conselhos para te preparares para correr uma maratona durante o verão. Até que chegue esse momento, resta continua a treinar e a desfrutar de cada sessão desportiva com a Décimas!

 

Be Sociable, Share!

This post is also available in: Espanhol Francês

Leave a Comment